Ouverture Artforum
Portal Novo Mundo
Após a Rio+20-2012
2012 - São Luís 400
O Caminho do Sol
Início do Caminho
  Página do Futuro
Ouverture de 2006
 Projetos 2006-2012
Artforum Mundi
Universid. Aberta
  Universidade Futuro
 Porta do Conhecimento
  Reflexões Artforum
Encontros de 2006
Editoriais de 2006
 Fevereiro 2007
 Mulheres-Março 07
 Acad. Cora Coralina
 Assuntos-maio/07
 Assuntos-junho/07
Assuntos julho/2007
Natal 07 - Ano 2008
ANO DA PAZ 2009
Cartas ao Futuro/2009
2008: Ano do Planeta
Mulheres do Mundo 21
Mulheres do Futuro 21
Portal do Parlamento
Notícias M.Ambiente
Aquecimento Global
  Poéticas do Planeta
Universo Eco-Cultural
 Focus Multicultural
Parlamento Meio Amb.
Quem Somos
Cidadãos do Planeta
  Esc. Ecologia Humana
  Planetário Artforum
   Planeta "Amazônia"
Artes do Planeta
Artforum Planet
  Artforum Brasil XXI
Novo Mundo Melhor
 Pavilhão dos Sonhos
 Philos, Ânima, Ágape
    Arte, Espiritualidade
Vida, Arte, Visão
Arte-Palavras-Tempo
Poéticas Essenciais
 Livros do Mundo 21
Arte dos Tempos
 Esquinas do Planeta
Cidades do Mundo
Sobre Brasília
Arquitetura do Brasil
Arquitetura - Textos
Caminhos 2012
Cidades-Patrimônio
Gal. Cidades do Mundo
 Gente da Terra
 Filhos da Natureza
Rostos do Futuro
Artforum-Projetos
  Blog 2006 - 2012
Open Book's Now!
ArtForum Brasil XXI
Arte do Brasil XXI
Cidade das Artes
Expo Copa África 2010
Cartas ao Futuro
Nossas Poéticas
Poetas Convidados
Artistas Convidados
Fotos Cidad. Históricas
Fotos de Arquitetura
Fotos, Artes, Ensaios
Exposição de Arte
Expô Lux Convidados
  Expô Ave Lux Mundi
Expo Ana F. Garjan
Maison D'Artforum
Maison *Poesia Garjan
Manifesto Verde PAZ
Projetos & Parcerias
Artforum Mundi
Troféus Artforum Brasil
Nossa trajetória
  Fórum do Ser Humano
Links especiais
Musica, Radio, TV
Contatos
Imprensa




ARTFORUM UNIFUTURO
Ano de 2013



Este é o Portal
da Sociedade Multicultural dos Grupos ARTFORUM Brasil XXI

Somos um grupo de profissionais de diversas áreas que idealizam e desenvolvem roteiros/projetos culturais sem fins lucrativos.

Somos uma organização que objetiva a Paz,
a Justiça, os Direitos Humanos, os grandes temas da humanidade, a defesa da natureza do nosso planeta.





                   ARTFORUM UNIFUTURO - O FUTURO NOS ESPERA!
                   Arte e Cultura de Paz e por um Novo Mundo Melhor.

                   Cidadãos planetários que trabalham em prol da Paz

   *Acreditamos em sonhos, missões e realizações em prol de um mundo melhor.

Projeto em desenvolvimento na Internet:
UNIVERSIDADE PLANETÁRIA DO FUTURO, inaugurada em dezembro de 2009
Cidadãos planetários que trabalham em prol da
                                 
Nossos 'Marcos teóricos':
-Chaves filosóficas e Paradigmas da Cultura Humanista-Planetária:

Estamos no espaço "Estação Eco Humanista-Planetária pela Paz"
Este é um dos espaços oficiais dos Grupos Artforum Brasil XXI
(Este site foi inaugurado em 23 de setembro de 2006)

                                    Projeto em Desenvolvimento:

                            Universidade Planetária do Futuro - Ano IV

                                   Grupos Artforum Unifuturo XXI

                                                        *
                          1º Plano em 2001
                          
"Nossa Década - 2001-2010"

                                                        *
                          Programa 
                         
Universidade Aberta do Futuro "Telhados do Mundo"

                                                       *
                          Projeto Universidade Planetária 2010
                          -Ano Internacional do Planeta e da Biodiversidade e Assuntos do 
                                              
                                                        *
                          Focos e Sínteses                                                 
                          Defesa da Paz e do Planeta
                          Filosofias, Artes, Culturas, Ciências, Ecologia,
                          Meio Ambiente, Temas e Assuntos contemporâneos.       
                                                        *
                          Objetivos especiais
                          Desenvolver propostas, roteiros metodológicos e projetos 
                          com foco nas artes, culturas, tecnologias e ciências.
                                                        *
                          Sociedade Artforum Unifuturo XXI:

                         *Grupos ARTFORUM Brasil XXI                          
                          *Artforum Mundi Planet
                          *Artforum Internacional e Associados
                          *Artforum Renaissance Vie Universelle

            O tempo conta, o tempo encanta! E o futuro é aqui-agora!

                   (Este site foi inaugurado em 23 de setembro de 2006)

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨



Artforum
Unifuturo
Grupos
e
Projetos:


*Cidade
das Artes.

*Mundo
das Artes.

*Planeta das Artes

*Universo das Artes

*Pavillion dos Artistas



     Programa: Universidade Aberta do Futuro "Telhados do Mundo"

     Projeto: Universidade Planetária do Futuro
     Filosofias, Arte, Cultura, Ecologia, Meio Ambiente, Ciências
     Por um mundo melhor de paz e em defesa do planeta.


Este site é o escritório oficial dos Grupos ARTFORUM Brasil XXI, desde 2006.


Em 2010....

Ano da biodiversidade tem início

7/1/2010
Por Fabio Reynol

Agência FAPESP – A ocupação desordenada de áreas naturais, a exploração predatória de recursos da natureza e a poluição são algumas ações humanas que têm trazido sérias consequências, levando o planeta a perder cada vez mais espécies
animais e vegetais.

Para chamar a atenção ao problema, a Organização das Nações Unidas (ONU) declarou 2010 o Ano Internacional da Biodiversidade. Um dos eventos que abrirá oficialmente o programa será realizado em Curitiba, nesta sexta-feira (8/1).

Estarão presentes autoridades governamentais do Brasil e do exterior, representantes da ONU e pesquisadores. O Programa Biota-FAPESP será representado pelo professor Roberto Gomes de Sousa Berlinck, do Instituto de Química de São Carlos da
Universidade de São Paulo.

“A natureza é uma rede extremamente intrincada que precisa ser mantida para a vida existir. Porém, essa harmonia tem sido cada vez mais ameaçada”, disse Berlinck sobre a importância da coexistência das espécies. De acordo com levantamentos da Convenção sobre a Diversidade Biológica (CBD), órgão da ONU que trata do problema. A taxa de perda de espécies chega a cem vezes à da extinção natural e vem crescendo exponencialmente.

Pensando em pelo menos diminuir esse ritmo, em 2002 a Conferência das Partes (COP) da CBD propôs uma série de metas a serem alcançadas até 2010 e obteve o comprometimento de vários países.

Nos moldes da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP15), que em dezembro, em Copenhague, na Dinamarca, fez um balanço dos compromissos assumidos no Protocolo de Kyoto, a COP da biodiversidade tem um encontro marcado para outubro deste ano, na cidade japonesa de Nagoya, a fim de avaliar os resultados das ações assumidas em 2002 para preservar a biodiversidade.

Como a reunião de Copenhague, a de Nagoya deverá ser igualmente frustrante. É o que pensa Berlinck, para quem a natureza tem dado sinais de que o problema continua crescendo. “A morte de recifes de corais no mundo todo e o desaparecimento das abelhas na América do Norte são apenas duas das consequências da destruição de áreas nativas”, disse.

Carlos Alfredo Joly, coordenador geral do Biota-FAPESP e professor do Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas, concorda com o pessimismo. “Precisamos este ano estipular metas mais confiáveis e usar indicadores mais mensuráveis”, disse, ressaltando que considera os indicadores escolhidos em 2002 um dos pontos fracos do acordo.

Natureza desconhecida
Joly também chama a atenção para a importância das pesquisas de levantamento de dados como as feitas no Biota-FAPESP, que visam à caracterização, conservação e ao uso sustentável da biodiversidade. “Como saber quantas espécies desapareceram se ainda estamos fazendo os inventários?”, disse.

Em dez anos, os pesquisadores do Biota-FAPESP, que tem como foco o Estado de São Paulo, catalogaram cerca de 2 mil novas espécies. Mas, para Joly, é fundamental que programas como esse sejam implantados em outras regiões do Brasil.
“Não sabemos quase nada sobre o Brasil, a última lista oficial da flora brasileira é de 1908. Há somente levantamentos regionais”, disse. Joly destaca a necessidade de que sejam conduzidos inventários como o das plantas que produzem flores (fanerógamas) na flora paulista, que conta com o apoio da FAPESP e teve o seu sexto volume (lançado recentemente).

Justamente por ignorar os números exatos, Joly calcula que as estimativas da CBD sobre o desaparecimento de espécies estejam subestimadas. Atualmente, o órgão faz projeções a partir do desaparecimento de hábitats. Para cada unidade de área degradada, estima-se um determinado decréscimo das espécies que nela habitavam. No entanto, sem um levantamento taxonômico adequado não há como saber com exatidão o tamanho das perdas da biodiversidade. Muitas espécies desaparecem sem ao menos serem conhecidas.

Diversidade genética
A sobrevivência das espécies também passa pela diversidade genética, a qual deve ser considerada nos projetos de conservação, segundo os coordenadores do Biota-FAPESP. Indivíduos de uma mesma espécie que possuem pouca variação genética podem ser suscetíveis às mesmas doenças e acabar rapidamente dizimados. “O mesmo ocorre quando vamos fazer um reflorestamento. Se não considerarmos as diversidades genéticas e não reintroduzirmos todas as espécies envolvidas, a floresta pode morrer depois de uma década por doença ou mesmo pela ausência de um animal polinizador”, explicou Joly.

Para trabalhar também com a diversidade dos genes, o Programa Biota-FAPESP deverá aumentar o uso de ferramentas de biologia molecular. “Os felinos selvagens que hoje habitam canaviais e fazendas são geneticamente iguais aos seus ancestrais que viviam nas matas nativas de São Paulo?”, questiona Joly. Segundo ele, responder a essa pergunta ajudará a preservar esses animais, o que ressalta a importância da biologia molecular para a biodiversidade.

Berlinck aponta que desconhecer a natureza pode custar caro. “O deslizamento de encostas neste início de ano é uma consequência do desconhecimento do que pode e do que não pode ser feito com a natureza”, disse. Segundo ele, preservar as diversas espécies é uma forma de manter e de garantir qualidade de vida também para as gerações futuras. “No entanto, é preciso que populações e governos conheçam o decréscimo crônico da biodiversidade e tomeminiciativas”, disse. É isso que a ONU e os cientistas esperam de 2010.

.....................

Arquivos
             Estamos em construção da "Estação Eco-Cultural do Futuro".
             Iniciamos a publicação deste site, em 23 de setembro de 2006.
 
O mundo está no início da segunda década do Século XXI. Que nos próximos anos e décadas, que em 2014 - 2016 - 2022 - 2050 - 2100 o mundo e a humanidade encontrem seu caminho de plena paz, justiça e fraternidade. E que os promotores das guerras já tenham transformado os campos de guerra em belos jardins de primavera, no planeta.

            O tempo conta, o tempo encanta! E o futuro é o que nos Une!

O que pode
nos Unir?

*A paz,
*A justiça
*A Arte.
*Solidariedade.
*A natureza.
*A arte da Humanidade.

*O Tempo.
*O Futuro.

Estamos construindo projetos que visam arte,
literatura, e cultura de paz..








Grupos ARTFORUM Brasil XXI - Cultura humanista-planetária   
Culturas, Artes, Tecnologias e Ciências por um mundo melhor

                                       Contextos e referências:

Pensamento, Filosofias, História, Pesquisa, Culturas, Artes, Literatura, Ciências
Meio ambiente, Ecologia Humana e Social, Campanhas pela Paz e defesa da Vida.

             Planos, Programas, Projetos, Roteiros metodológicos, agendas
                     * Fóruns Culturais / Grupos ARTFORUM Brasil XXI

                   * Manifesto Verde pela Paz da Humanidade e do Planeta:
                           http://www.cidadeartesdomundo.com.br/MV.html

                           * Sociedade Cultural-Grupos Artforum Brasil:
                                       Cidade das Artes do Mundo
                                  www.cidadeartesdomundo.com.br

            *Fórum Internacional de Mulheres do Futuro Pela Paz do Planeta:
                                http://forumdemulheresdofuturo.zip.net

                                   * Fórum Cidade Artes do Mundo:
                                    http://forumculturaldomundo.zip.net

                           * Revista Planetária- ArtForum Internacional
                              http://revistaartforumcultural.blogspot.com
       
                        *Academia de Artes e Poéticas "Clarice Lispector"     
                              http://cidadeartesdomundo.blogspot.com
     
                                  * Poetas e Artistas do Mundo
                            http://poetaseartistasdomundo.arteblog.com.br
         
                         * Projeto Especial / Grupos ARTFORUM Brasil XXI

                               * Universidade Planetária do Futuro:
                                             Blog da UNIFUTURO
                           http://projetoartforumuniversidade.blogspot.com                           

                                            Site da UNIFUTURO
                   http://universidadeplanetariadofuturo.webstarts.com/index.html

                Bem-vindo!  Bienvenido!  Welcome!  Bievenue!  Bie Venuto!  
                  Willkommen!  Dobrego Tobyto!  Isten Hozta!  Zítáme Vás! 

              .....................................................................................................